Olhando pra Lisboa, ali tão perto ............... lá no alto, de cabelos ao vento................................ o Cristo-Rei foi pregar para o deserto ..................... e deixou os camelos em... «Belém»!

=========================================

FRASES INTEMPORAIS APLICADAS À POLÍTICA

1 - O cigarro adverte:

"o governo faz mal à saúde!"

2 - Não roube,

“o governo detesta concorrência.”

3 - Errar é humano.

“Culpar outra pessoa é política.”
4 - Autarcas portugueses
"São os mais católicos do mundo. Não assinam nada sem levar um terço.

5 - Se bem que…

"o salário mínimo deveria chamar-se gorjeta máxima".

6 - Feliz foi Ali-Babá que:
"não viveu em Portugal e só conheceu 40 ladrões!!!..."

7 - Não deixe de assistir

"ao horário político na TV:

Talvez seja a única oportunidade de ver políticos portugueses em "cadeia nacional".

8 – O maior castigo

"para quem não se interessa por política é que será governado pelos que se interessam."

9 - Os políticos
"são como as fraldas... Devem ser trocados com frequência, e sempre pelo mesmo motivo...

10 - Os líderes

"das últimas três décadas ou sucedem a si próprios ou então criam clones dos seus tiques."

11 - Os partidos
"
tomaram conta do Estado e puseram o Estado ao seu serviço."

12 - A frase do dia é de Alberto João Jardim:
- O que penso sobre o aborto?!...

- Considero-o um péssimo Primeiro-ministro e está a governar muito mal o País.

13 - Notícia de última hora!!!

- “Fiscais da ASAE, (brigada de inspecção da higiene alimentar), acabam de encerrar a Assembleia da República.“
Motivo: Comiam todos no mesmo tacho!

14 – Bom para Portugal!!!!!

"Sou totalmente a favor do casamento gay entre os políticos.

Tudo que possa contribuir para que eles não se reproduzam é bom para o país..."

15 - Candidatos:

"Antigamente os cartazes nas ruas, com rostos de criminosos, ofereciam recompensas;
hoje em dia, pedem votos".

16 - País desenvolvido:

"não é onde o pobre tem carro, é onde os políticos usam transporte público".

17 - Austeridade é quando

"o Estado nos tira dinheiro para pagar as suas contas até deixarmos de ter dinheiro para pagar as nossas".

18 - O governo esclare:

"Os cortes aos reformados só se aplicam a quem tiver 2 pensões. Quem tiver 2 hotéis ou 2 residenciais está safo".

19 - A força do Fisco:

"O estado arranca-me tudo à força e depois diz que sou contribuinte".

20 - País desenvolvido

não é onde o pobre tem carro, é onde os políticos, usam transporte público.

21 - Austeridade é quando

o Estado nos tira dinheiro para pagar as suas contas até nós deixarmos de ter dinheiro para pagar as nossas.

===================================================

14
Fev 13

E assim vai o panorama político português!

 

http://www.noticiasaominuto.com/politica/45672/governo-respeita-o-tomar-no-cu-de-antigo-secret%C3%A1rio-de-estado

 

O ministro Miguel Relvas disse esta quinta-feira que respeita "as opiniões de quaisquer ex-membros do Governo", reagindo à crítica que o antigo secretário de Estado da Cultura, Francisco José Viegas (na foto à esquerda), divulgou esta quinta-feira em relação às medidas de controlo de facturas por parte do Fisco. Escreveu o antigo governante no seu blogue que se for abordado "por algum senhor da Autoridade Tributária e Aduaneira" terá de responder-lhe para "ir tomar no cu".

 

14,23 - 14/02/2013 - por notícias ao Minuto 

 

No seu blogue, o antigo secretário de Estado da Cultura, Francisco José Viegas, escreveu hoje que "se por acaso, algum senhor da Autoridade Tributária e Aduaneira tentar 'fiscalizar-me' à saída de uma loja, um café, um restaurante ou um bordel (quando forem legalizados) com o simpático objectivo de ver se eu pedi factura das despesas realizadas, lhe responderei que, com pena minha pela evidente má criação, terei de lhe pedir para ir tomar no cu".

 

No final da reunião do Conselho de Ministros de hoje, o ministro Adjunto e dos Assuntos Parlamentares, Miguel Relvas, foi questionado sobre esta questão, respondendo que, apesar de não ter lido as declarações de Francisco José Viegas, o Governo respeita todas as opiniões. "Respeito e respeitamos as opiniões de quaisquer ex-membros do Governo", afirmou.

publicado por LauraBM às 23:07

26
Out 11

http://www.publico.pt/Pol%C3%ADtica 

 

Tolentino de Nóbrega

Ainda há quatro políticos no activo que acumulam pensões de reforma com o vencimento dos cargos que ocupam, e todos na Madeira: Alberto João Jardim, Miguel Mendonça, Brasão de Castro e Santos Costa.

 

NOTA:

E digam lá que Portugal não é um grande país!... E rico, pois claro!

Pobre só o povo!

Olha a Madeira, apesar do buraco!...

Aquilo não é um buraco, é um sorvedouro monstruoso a tentar engolir o nosso querido buraquinho metropolitano!!!!!!!

 

--------------------------

Laura Martins

publicado por LauraBM às 22:59

10
Out 11

Fartos de tanta loja chinesa eis a «Declaração de guerra de Portugal à China»

Após uma consulta popular "sobre tanta loja chinesa", Portugal enviou uma mensagem à República Popular da China:

"Chinos de merda, tarrequinhos: declaramo-vos guerra:

temos 85 tanques, 27 caças , 4 navios, 2 submarinos (ainda só temos um, mas vem outro a caminho) e 5.221 soldados".

 

O Estado chinês respondeu-lhes:
"Aceitamos a declaração:

temos 38.000 tanques, 16.000 aviões, 790 navios, 455 submarinos e 300 milhões de soldados. "

 

Ao que Portugal respondeu:
"Retiramos a declaração de guerra... "Não temos munições para matar tanta gente, nem como alojar tantos prisioneiros". 

publicado por LauraBM às 16:39

14
Set 11

De jeito nenhum os gregos serão capazes de controlar as suas finanças e cumprir os termos do socorro financeiro, da CEE e do FMI........
Eles  não conseguem sequer aplicar a Lei que regulamenta a proibição de fumar em lugares fechados!?!?!? 

 

A nova lei proibiu o fumo em restaurantes desde 7/1/2009.
Dê uma olhada quantos cigarros estão no cinzeiro  à direita na imagem...

  

 

Olhe o cinzeiro...

 

 

O cinzeiro, lazarento!

 

Você é pior do que os gregos! 

 

 

========================= 

Brincando com a desgraça alheia!
Breve, breve, poderão brincar assim com Portugal!

-------------------

Laura B. Martins

publicado por LauraBM às 00:14

12
Set 11

Revista Visão - em 8/2011 (passe a publicidade mas é mesmo uma revista ao meu jeito)

 

Os portugueses vivem hoje como num país nórdico: pagam impostos como no Norte da Europa e têm um nível de vida como no Norte de África.

Este é um país de gente rica: cada português tem um banco e uma ilha. É certo que é o mesmo banco e a mesma ilha mas são nossos. Todos os contribuintes são proprietários do BPN e da Madeira.

Todos os meses trabalhamos para sustentar o banco e a ilha, e depois gastamos o dinheiro que sobra em coisas supérfluas, como a comida, a renda, a electricidade.

Felizmente o governo ajuda-nos a gerir o salário com inteligência. Pedro Passos Coelho bem avisou que iria fazer cortes na despesa. Só não disse que era na nossa, mas era previsível.

A nossa despesa com alimentação, habitação e transportes está cada vez menor. Afinal, o orçamento gordo era o nosso. Agora está muito mais magro, elegante e saudável. Mais sobra para o banco e para a ilha.

 

NOTA:

E no corte de metade do 13º mês, o autor chama, com imensa piada, aos restantes 15 dias que vamos receber:

«o actual décimo segundo mês e meio ou os décimos terceiros quinze dias»! hahahaha

publicado por LauraBM às 21:51

08
Set 11

Esta já tem barbas de tão velha, mas é sempre actual.   kkkkkkkk

Será que com o Sócrates também aconteceu assim?

Pelo menos este a gente sabe o que tem feito:

A Dilma ainda está para se ver.

------------

Laura B. Martins

Enquanto suturava um ferimento na mão de um velho gari (cortada por um caco de vidro indevidamente jogado no lixo), o médico e o paciente começaram a conversar sobre o país, o governo e, fatalmente, sobre Lula, sobre a Dilma.
O velhinho disse:
- Bom, o senhor sabe, a Dilma é como uma tartaruga em cima do poste...
Sem saber o que o gari quis dizer, o médico perguntou o que diabo significava uma tartaruga num poste?
E o gari respondeu:
- É quando o senhor vai indo por uma estradinha e vê um poste. Lá em cima tem uma tartaruga tentando se equilibrar. Isso é uma tartaruga em um poste.

Diante da cara de bobo do médico, o velho acrescentou:

- Você não entende como ela chegou lá;
- Você não acredita que ela esteja lá;
- Você sabe que ela não subiu lá sozinha;
- Você sabe que ela não deveria nem poderia estar lá;
- Você sabe que ela não vai fazer absolutamente nada enquanto estiver lá;
- Você não entende porque a colocaram lá;
- Então, tudo o que temos a fazer é ajudá-la a descer de lá, e providenciar para que nunca mais suba, pois lá em cima definitivamente não é o seu lugar!

publicado por LauraBM às 00:08

02
Set 11
Portugal está a funcionar como aquela aldeia de África em que o fazendeiro emprega toda a população, e é dono da única mercearia da aldeia.
Os seus trabalhadores que ganham o mínimo para subsistirem, às vezes com fome, consoante as condições da família, depois de receberem o ordenado vão à mercearia do patrão e compram lá tudo o que precisam para sobreviverem, desde comida a vestuário e calçado.
No dia seguinte ao do recebimento do ordenado, a maior parte deste ficou logo nas mãos do fazendeiro para o qual trabalharam durante o mês. E o resto foi quase todo parar às mesmas mãos durante o resto do mês.
Entretanto o fazendeiro tem casas e carros de luxo, dá festas faustosas, passeia pelo estrangeiro, joga no casino, sustenta amantes, e corrompe funcionários públicos com o seu dinheiro - isto é, com o dinheiro que ganha na fazenda e na mercearia de que é proprietário.
Além disto, vai investindo noutras fazendas o que lhe sobra dos gastos.
É assim que funciona Portugal.
Basta substituirmos os nomes para vermos Portugal em África:
A fazenda africana tem o nome de banca.
A mercearia do fazendeiro tem o nome de grandes superfícies.
-----------------------------------
Henrique Doria
http://odisseus.blogs.sapo.pt/95654.html
 
E agora ainda vem a «troika» dar ordens à fazenda, ao fazendeiro e aos trabalhadores!
publicado por LauraBM às 00:19

16
Mai 11

Um dia, Deus, muito insatisfeito com a humanidade e os seus pecados, decidiu pôr fim em tudo.

Deus reuniu então todos os líderes mundiais para comunicar-lhes pessoalmente a sua decisão de acabar com a
humanidade em 24 horas.

Deus disse: "Reuni-vos aqui para comunicar que extinguirei a humanidade em 24 horas".

E o povo dizia:"Mas, Senhor..."

Nada de MAS, este é o limite, a humanidade vai abandonar a Terra para todo o sempre!

Portanto, voltem aos respectivos Países e digam ao Povo que estejam preparados. Têm 24 horas!

 

O primeiro a reunir o povo foi, OBAMA.

Em Washington DC, através de uma mensagem à nação, OBAMA disse:

"Americanos, eu tenho uma boa notícia e uma má notícia para dar.

"A boa notícia é que Deus existe e que ele falou comigo". Mas, claro, já sabemos disso.

A má notícia é que esta grande Nação, o nosso grande Sonho, só tem 24 horas de existência. Este é o desejo de Deus".

Fidel Castro reuniu todos os cubanos e disse:

"Camaradas, povo Cubano, tenho duas más notícias.

A primeira é que Deus existe... sim, eu vi-o, estava mesmo à minha frente!!! Estive enganado este tempo todo...

A segunda má notícia é que em 24 horas esta magnífica Revolução pela qual tanto temos lutado, vai deixar de existir."

Finalmente, em Portugal, José Sócrates dá uma conferência de imprensa:

"Portugueses, hoje é um dia muito especial para todos nós. Tenho duas boas notícias.

A primeira boa notícia é que eu, sou um enviado de Deus, um mensageiro, porque conversei com ele pessoalmente.

A segunda boa notícia é que, conforme constava do Programa do Governo e apenas em 24 horas, serão erradicados para sempre o desemprego, o analfabetismo, o tráfico de drogas, a corrupção, a pedofilia, os problemas de transporte, água e luz, habitação, nada de burocracia, e o mais

espectacular de tudo: O IVA vai acabar assim como a miséria e a pobreza neste País!!

O Governo cumpriu tudo o que prometeu!!!

 

Não se riam porque ele é mesmo assim! Tal e qual!!!!!!!

publicado por LauraBM às 21:15

09
Set 10

O velho Padre, doente e moribundo no Hospital de S. José, faz um sinal à enfermeira, que se aproxima.
- Sim, Padre? diz a enfermeira.
- Eu queria ver o Primeiro Ministro José Sócrates e o Ministro das Finanças, Teixeira dos Santos, antes de morrer. - sussurrou o Padre.
- Acalme-se, verei o que posso fazer. - respondeu a enfermeira.
De imediato ela entra em contacto com o Palácio de S. Bento e com José Sócrates. E logo recebe a notícia: ambos gostariam muito de
visitar o Padre moribundo.
 
A caminho do Hospital, Sócrates diz a Teixeira dos Santos:
- Eu não sei porque é que o velho padre nos quer ver, mas certamente que isso vai ajudar a melhorar a nossa imagem perante a Igreja, o que é sempre bom.
Teixeira dos Santos concordou. Era uma grande oportunidade para eles e até foi enviado um comunicado oficial à imprensa sobre a visita.

Quando chegaram ao quarto, o velho Padre pegou na mão de Sócrates, com a sua mão direita, e na mão de Teixeira dos Santos, com a sua esquerda. Houve um grande silêncio e notou-se um ar de pureza e serenidade no semblante do Padre.
Sócrates então disse:

- Padre, porque é que fomos nós os escolhidos, entre tantas pessoas, para estar ao seu lado no seu fim ?
O velho Padre, lentamente, disse:
-Sempre, em toda a minha vida, procurei ter como modelo Nosso Senhor Jesus Cristo.
-Amen, disse Sócrates.
-Amen, disse Teixeira dos Santos.

E o Padre continuou:
- Então... como Ele morreu entre dois ladrões, eu queria fazer o mesmo...!!!
publicado por LauraBM às 15:31

10
Set 09

Os Marretas, com
uma credibilidade muito próxima do jornal Correio da Manhã, também interceptaram uma mensagem via Internet, de Bin Laden para as células peninsulares da Al-Qaeda.

Passamos a transcrever:

Por Alá

Aconselhamos todos os filhos de Maomé a não tentarem qualquer atentado em Portugal.

É um país complicado. Uma acção nossa dificilmente traria algum proveito para a nossa Sagrada Causa.

1 - Nenhum atentado por nós levado a cabo teria resultados mais espectaculares no congestionamento do tráfego ferroviário do que aquele conseguido pela própria CP.

2 - É difícil planear um atentado em comboios e autocarros.

Nunca se consegue saber a que horas passam, nem sequer os dias em que circulam, devido às greves constantes.

3 - A reivindicação do atentado seria de uma inutilidade extrema.

A oposição portuguesa iria imediatamente culpar o Ministro da Administração Interna, o Secretário de Estado dos Transportes e as empresas transportadoras.

Qualquer reivindicação da nossa parte seria recebida com desdém pelo Bloco de Esquerda, que atribuiria as responsabilidades do sucedido às empresas capitalistas, ao Governo e à globalização.

4 - Alertamos também para a dificuldade de organizar uma acção como a de Madrid.

Em Portugal, mal um de vocês deixasse uma mochila no comboio, logo um simpático português correria atrás de vocês a gritar:

"Ó chefe, chefe, esqueceu-se do seu saco, amigo."

E depois pensaria para si mesmo:

"Sacana do indiano ainda faz má cara. Vem um gajo aqui de manhãzinha, descansadinho da vida e ainda tem de ser criado desta estrangeirada toda."

5 - Não será fácil mobilizar o povo contra a presença de tropas portuguesas no Iraque.

Os Portugueses, pelas informações que obtivemos, gostariam que TODA a GNR - principalmente uma tal BT - estivesse destacada no Iraque ou em qualquer lugar bem longe do País.

6 - A detonação por telemóvel é também bastante desaconselhável.

Devido à quantidade de telemóveis existentes em território português, existe o perigo real dos explosivos rebentarem em alturas menos próprias, devido aos constantes toques que se fazem ouvir a toda a hora e em qualquer lugar.

7 - Também gostaríamos de alertar para o perigo real da presença de jornalistas da televisão no local dos atentados, a perguntar às pessoas o que sentem depois de terem ficado sem uma perna, com a cara desfeita ou partidas em dois.

Ao pé dessa gente, a Al-Qaeda é um simpático grupo de organizadores de festas de salão.

Procurem, portanto, outro sítio para realizar atentados.

Vosso,
Osama Bin Laden

publicado por LauraBM às 23:22

10
Fev 09

boca_rir2.gifO Primeiro-ministro José Sócrates num momento de alucinação dirigindo-se a Francisco Louçã disse:

" Você não tem idade nem curriculum ...".

Uma boa piada, diz o jornalista do Portugal Diário! Eu fui à Internet verificar o curriculum e não resisto a publicar:

Actividade política:

*Louçã, nasceu em 12 de Novembro de 1956. Participou na luta contra a Ditadura e a Guerra no movimento estudantil dos anos setenta, foi preso em Dezembro de 1972 com apenas 16 anos e libertado de Caxias sob caução, aderindo à LCI/PSR em 1972 e em 1999 fundou o Bloco de Esquerda. Foi eleito deputado em 1999 e reeleito em 2002 e 2005.
É membro das comissões de economia e finanças e antes comissão de liberdades, direitos e garantias. Foi candidato presidencial em 2006.

Actividades académicas:

Frequentou a escola em Lisboa no Liceu Padre António Vieira (prémio Sagres para os melhores alunos do país), o Instituto Superior de Economia (prémio Banco de Portugal para o melhor aluno de economia), onde ainda fez o mestrado (prémio JNICT para o melhor aluno) e onde concluiu o doutoramento em 1996.

Em 1999 fez as provas de agregação (aprovação por unanimidade) e em 2004 venceu o concurso para Professor Associado, ainda por unanimidade do júri. É professor no ISEG (Universidade Técnica de Lisboa), onde tem continuado a dar aulas e onde preside a um dos centros de investigação científica (Unidade de Estudos sobre a Complexidade na Economia).

Recebeu em 1999 o prémio da History of Economics Association para o melhor artigo publicado em revista científica internacional. É membro da American Association of Economists e de outras associações internacionais, tendo tido posições de direcção em algumas; membro do conselho editorial de revistas científicas em Inglaterra, Brasil e Portugal; "referee" para algumas das principais revistas científicas internacionais (American Economic Review, Economic Journal, Journal of Economic Literature, Cambridge Journal of Economics, Metroeconomica, History of Political Economy, Journal of Evolutionary Economics, etc.).

Foi professor visitante na Universidade de Utrecht e apresentou conferências nos EUA, Inglaterra, França, Itália, Grécia, Brasil, Venezuela, Noruega, Alemanha, Suíça, Polónia, Holanda, Dinamarca, Espanha.

Publicou artigos em revistas internacionais de referência em economia e física teórica e é um dos economistas portugueses com mais livros e artigos publicados (traduções em inglês, francês, alemão, italiano, russo, turco, espanhol, japonês).

Em 2005, foi convidado pelo Banco Mundial para participar com quatro outros economistas, incluindo um Prémio Nobel, numa conferência científica em Pequim, foi desconvidado por pressão directa do governo chinês alegando razões políticas.

Terminou em Agosto um livro sobre "The Years of High Econometrics" que será publicado brevemente nos EUA e em Inglaterra.

Obras publicadas:
Ensaios políticos
Ensaio para uma Revolução (1984, Edição CM)
Herança Tricolor (1989, Edição Cotovia)
A Maldição de Midas – A Cultura do Capitalismo Tardio (1994, Edição Cotovia)
A Guerra Infinita, com Jorge Costa (Edições Afrontamento, 2003)
A Globalização Armada – As Aventuras de George W. Bush na Babilónia, com Jorge Costa (Edições Afrontamento, 2004)
Ensaio Geral – Passado e Futuro do 25 de Abril, co-editor com Fernando Rosas (Edições D. Quixote, 2004)

Livros de Economia
Turbulence in Economics (edição Edward Elgar, Inglaterra e EUA, 1997), traduzido como Turbulência na Economia (edição Afrontamento, 1997)
The Foundations of Long Wave Theory, com Jan Reinjders, da Universidade de Utrecht (edição Elgar, 1999), dois volumes
Perspectives on Complexity in Economics, editor, 1999 (Lisboa: UECE-ISEG)
Is Economics an Evolutionary Science?, com Mark Perlman, Universidade de Pittsburgh (edição Elgar, 2000)
Coisas da Mecânica Misteriosa (Afrontamento, 1999)
Introdução à Macroeconomia, com João Ferreira do Amaral, G. Caetano, S. Santos, Mº C. Ferreira, E. Fontainha (Escolar Editora, 2002)
As Time Goes By, com Chris Freeman (2001 e 2002, Oxford University Press, Inglaterra e EUA); já traduzido para português (Ciclos e Crises no Capitalismo Global - Das revoluções industriais à revolução da informação, edições Afrontamento, 2004) e chinês (Edições Universitárias de Pequim, 2005)
* Fonte Wikipédia

Sobre sócrates, sabe-se que é engenheiro civil tirado na Universidade Independente, ainda sob suspeita de ilegalidades.
Que assinava como Engenheiro quando era Engenheiro-Técnico.
Que elaborou ou pelo menos assinou uns projectos de habitação caricatos.
Que a sua actividade política se deu com o 25 de Abril na JSD/PSD e depois no PS como deputado e como governante.
Do seu curriculum sabe-se ainda (embora ele o desconhecesse) que teve uma incursão fugaz como empresário-sócio de uma empresa de venda de combustíveis.

Quanto a curriculuns estamos conversados!

Quanto à idade devem ter diferença de meses...

publicado por LauraBM às 01:00

15
Set 08

macaco_roxo.GIFUma vez, num vilarejo, apareceu um homem anunciando aos aldeões que compraria macacos por $10 cada. Os aldeões sabendo que havia muitos macacos na região, foram à floresta e iniciaram a caça aos macacos.
O homem comprou centenas de macacos a $10 e então os aldeões diminuíram seu esforço na caça.
Aí, o homem anunciou que agora pagaria $20 por cada macaco e os aldeões renovaram seus esforços e foram novamente à caça.
Logo, os macacos foram escasseando cada vez mais e os aldeões foram desistindo da busca. A oferta aumentou para $25 e a quantidade de macacos ficou tão pequena que já não havia mais interesse na caça.
O homem então anunciou que agora compraria cada macaco por $50! Entretanto, como iria à cidade grande, deixaria seu assistente cuidando da compra dos macacos.
Na ausência do homem, seu assistente disse aos aldeões: "Olhe todos estes macacos na jaula que o homem comprou. Eu posso vender por $35 a vocês e quando o homem retornar da cidade, vocês podem vender-lhe por $50 cada."
Os aldeões, espertos, pegaram todas as suas economias e compraram todos os macacos do assistente.
Eles nunca mais viram o homem ou seu assistente, somente macacos por todos os lados.
Agora você entendeu como funciona o mercado de acções.

publicado por LauraBM às 01:24

10
Set 08

 Socrates_mentes.jpg(LEONARDO DA VINCI - MENTE EXCEPCIONAL)
(GALILEU GALILEI - MENTE EXTRAORDINÁRIA)
(ISAAC NEWTON - MENTE BRILHANTE)
(ALBERT EINSTEIN - MENTE GENIAL)

 

 

(JOSÉ SÓCRATES - MENTE MUITO)

publicado por LauraBM às 01:09

10
Mar 08

carao_dentedouro.gifUma história ouvida recentemente:

Um cidadão português, que sempre desejou ter uma casa com vista para o Tejo, descobriu finalmente umas águas-furtadas algures numa das colinas de Lisboa que cumpria essa condição. No entanto, uma das assoalhadas não tinha janela.
Falou então com um arquitecto amigo para que ele fizesse o projecto e o entregasse à câmara de Lisboa, para obter a respectiva autorização para a obra.

 

O amigo dissuadiu-o logo: que demoraria bastantes meses ou mesmo anos a obter uma resposta e que, no final, ela seria negativa. No entanto, acrescentou, ele resolveria o problema.
Assim, numa sexta-feira ao fim da tarde, uma equipa de pedreiros entrou na referida casa, abriu a janela, colocou os vidros e pintou a fachada. O arquitecto tirou então fotos do exterior, onde se via a nova janela e endereçou um pedido à CML, solicitando que fosse permitido ao proprietário fechar a dita cuja janela.

Passado alguns meses, a resposta chegou e era avassaladora: invocando um extenso número de artigos dos mais diversos códigos, os serviços da câmara davam um rotundo não à pretensão do proprietário de fechar a dita cuja janela.

E assim, o dono da casa não só ganhou uma janela nova, como ficou com toda a argumentação jurídica para rebater alguém que, algum dia, se atreva a vir dizer-lhe que tem de fechar a janela! [....]

publicado por LauraBM às 16:55

12
Nov 07

Senhor primeiro-ministro, amigo Zé, pá...

Já deu para ver que, no estado em que as coisas estão, há que sacar dinheiro ao pessoal de qualquer maneira.
E como aumentar mais uma vez os impostos dava muito nas vistas, agora até na praia, o chamado mergulho de chapão com bandeira amarela ou mesmo uma simples entrada em água com bandeira vermelha, dá para colocar uma quantia valente (de 55 a mil euros) nos depauperados cofres do estado .

Caramba, porque é que não disseste mais cedo, Socas? Ora aqui o teu muito patriota amigo não quer que penses em mais estratagemas deste tipo e envia-te uma singela lista de coisas que ainda não pagam multa, mas que com a tua ajuda e com alguém que te prepare a legislação, é só meter no Diário da República e vais ver que o défice das contas estatais se esfuma num instante. E ainda se ajuda a tornar o nosso Portugal num país mais bonito, como bónus. Ora cá vai disto:

LISTA DE COISAS A TAXAR (em breve)
- Uso de meia branca com sapatinho escuro (cem a mil euros)
- Bigode à futebolista dos anos oitenta (duzentos a 2000 euros)
- Coçar os genitais em público (150 a 1500 euros)
- Utilização do colete reflector nas costas do banco do condutor (120 a 1200 euros)
- Passear de fato de treino por centros comerciais ao fim de semana (quatrocentos a 4000 euros)
- Raparigas com excesso de peso envergando roupa apertadíssima (130 a 1300 euros)
- Uso de óculos de sol em discotecas e restaurantes (quinhentos a 5000 euros)
- Utilização das expressões: prontos, portantos, treuze, stander de automóves etc... ( 140 a 1400 euros)
- Uso de sandália com peúga (trezentos a 3000 euros)

Pronto, cá está, Socas, usa e abusa. Quem é amigo, quem é?
----------------
18/11/2006
TUGOLÂNDIA

publicado por LauraBM às 23:57

03
Nov 07

patoslago.gifA ver se vocês se lembram:
Quando alastrou a ameaça da "Gripe das Aves" o nosso Ministro da Agricultura disse ao povo que em Portugal não haveria risco porque a rota das aves migratórias não passa por aqui (Portugal).
E disse-o com aquele ar de meio sorriso que enerva qualquer um.
Primeiro fartei-me de rir. Julguei que era um "soquete" dos "Gatos".
Depois vi que era mesmo telejornal e a minha auto estima afundou-se na cadeira, por não acreditar no que ele disse e eu sem lhe poder dar a resposta que ele provoca.
Até os putos na escola aprendem que as aves migratórias passam por aqui a caminho do hemisfério sul.
São todos broncos neste governo e o chefe deles ordenou que eles fizessem declarações com ar soft, quando os assuntos fossem graves. Tudo para não haver alarme. Nem precauções, mesmo que se trate de saúde pública... com este governo de Otas, jamé! Jamé!!
A cara de bronco a querer ser soft só por si já pede um estaladão e um berro: "Não me faças de parva! Vai gozar com a tua tia, OK?"
Eu se fosse pombo, naquela altura, tinha feito um manifesto sobre a liberdade de voar e dejectar
das aves migratórias.
A esta hora estão a dizimar muitos e muitos e muitos patos em Portugal, por estarem contaminados com o vírus.
Os patos enganaram o ministro.
Não confio em ministros que são enganados por patos.
------------------
Sara Rafael
Lisboa 14/9/07

publicado por LauraBM às 22:10

10
Set 07

mulheres_ginastica.jpgAdequação dos Organismos ao limite de idade

1. Tendo em vista a proposta do governo do adiamento da idade mínima da reforma para aposentação, aqui vão as providências para a sobrevivência no trabalho em todas as empresas:
2. As escadas existentes são transformadas  em rampas com corrimão não escorregadio
As casas de banho passam a ter suporte de apoio, após a ampliação das portas do banheiro para cadeiras de rodas;
3. O sistema de telefones totalmente substituído por aparelhos mais modernos, com amplificador de som, tendo em vista a perda de audição provocada pela idade avançada, compensada com o aumento de volume do som;
4. Tamanho aumentado de todas as fontes de impressão dos documentos emitidos, possibilitando a leitura com a perda progressiva da visão;
5. Lentes de aumento para distribuição aos funcionários;
6. O tamanho dos monitores de computador é aumentado para 27 polegadas;
7. Os seguintes tipos de falta serão aceites como justificados:
a) Esquecimento do local de trabalho;
b) Esquecimento de como se faz o trabalho;
c) Esquecimento da prótese dentária
d) Incontinência urinária;
e) Tremor nas pernas;
f) Comparência em funeral de colegas que estavam prestes a aposentar-se.
8. Inclusão de porta-bengalas em todas as mesas de trabalho;
9. Despertador individual para casos de sono diurno;
10. Aumento das letras de todos os computadores;
11. Instalação de uma Urgência Geriátrica;
12. Aumento do “time-out” para o encerramento das portas dos elevadores, tendo em vista a falta de agilidade e locomoção dos funcionários ainda existentes;
13. Armários para fraldas e remédios para uso dos funcionários;
14. Manual de instruções para a demência senil da quarta idade;
15. A avaliação de desempenho do funcionário será actualizada no item “Lembrança da Password”:
     # o funcionário, prestes a aposentar-se nos termos da lei, que ainda se lembre da sua senha, terá a nota máxima neste parâmetro;
16. Alteração nas instruções de pedido de aposentação:
     # Incluir Atestado de Óbito.
17. São proibidos actividades ou vestuário dos funcionários mais novos que possam provocar ataque cardíaco ou desregulamento do by-passe do colega próximo da idade mínima da aposentação.
----------------------------------------------------------------
Sara Rafael (Lisboa)
http://geocities.yahoo.com.br/jerusalem_13/sararafael.html

publicado por LauraBM às 15:51

10
Mar 07

PARA ACABAR COM O TERRORISMO DE UMA VEZ POR TODAS...olhos_vermelhos.gif

 

Sr. Bush, proponha ao G-7 o seguinte:
1 - A Inglaterra libera a Irlanda.
2 - A França e a Espanha devolvem as terras dos bascos.
3 - A Turquia e o Irã atendem aos curdos.
4 - A Rússia libera a Chechênia.
5 - A China desocupa o Tibete.
6 - Já que Israel é menor que Sergipe, os EUA podem doar terras e transferir o Estado de Israel, sem armas, para um local sem conflitos e sem terroristas.
Um prazo de 5 anos é o bastante para construir e urbanizar uma área desse tamanho.
7 - Reconhecer finalmente o Estado Palestino, com capital em Gaza. Os judeus que desejarem permanecer na região voltam à cidadania palestina como era antes da II Guerra.
8 - Declarar Jerusalém como santuário mundial e cidade aberta sob administração da ONU.
9 - O FMI e o BIRD devem reconsiderar ou cancelar as dívidas dos países pobres.
10 - A OMS deve enviar medicamentos grátis para os aidéticos africanos.
Essas medidas acabam com a razão de ser do Eta, Ira, Herzbollah, Al Qaeda e outras organizações terroristas.
Isso feito, o Sr. pode tirar uma bela foto, abraçado com Gorbatchev e Mandela, entrando para a galeria dos grandes homens deste planeta.
---------------------------------
Saudações dos pacifistas

publicado por LauraBM às 00:36

08
Mar 07

Olha, a esta eu tiro o chapéu! Talvez a TVI passe para o primeiro lugar das audiências se conseguir fazer isto como mais um Big Brother!! Acho que se passar na Assembleia da República, os portugueses vão aderir em massa. Aí sim, vamos ser um povo politizado ou, pelo menos, passamos a saber qual a cor preferida das cuecas de cada ministro deixando, assim, de ser um assunto de Estado. Obââââ!!!!!!!!!!

--------

Laura

casa_presidenciaveis.gifEm vez de termos horário eleitoral gratuito este ano, alguém podia inventar a "Casa dos Presidenciáveis". Todos os candidatos juntos em uma casa, com transmissão 24 horas por dia nos canais da TV paga e com os melhores momentos passando todos os dias, em programas de 45 minutos.

As pessoas iam votando pela Internet ou por telefone (bastava discar um número e dizer o seu título de eleitor) e, no final, o candidato que restasse "ganhava" a presidência do Brasil. Assim conheceríamos os candidatos como realmente são - ninguém conseguiria ficar dois meses inteiros "fingindo". E poderiam existir tarefas como cultivar uma horta, dividir as tarefas de limpeza da casa, distribuir os quartos entre as pessoas, etc. Algo que testasse na prática e em escala menor como eles resolveriam problemas que atravancam o país.

Também seria bom para sentirem na pele o que o povo sente. A "Casa" estaria dentro do programa de racionamento de energia e sofreria apagões programados. Faltaria água (também de forma controlada). Eles teriam direito a uma cesta básica por mês cada um. E assim por diante.

As TVs ganhariam vendendo cotas de patrocínio e merchandising na "Casa". A população, pela sua curiosidade mórbida e por não ter nada melhor (ou pior) para ver ia acabar assistindo.

O programa poderia ser apresentado pelo Sílvio Santos. Isso se ele não quisesse concorrer à presidência. Nesse caso, o Ratinho poderia ser o âncora.

E o melhor é que, se um deles topasse ir, os outros acabariam indo. Por isso eu lanço aqui a minha campanha eleição 2002 é na Casa dos Presidenciáveis!
--------------------
Repassando da TT

publicado por LauraBM às 23:29

25
Jan 07

Realmente, há quem tenha um jeitão para escrever estas coisas divertidas.
A gente ri mas... sabem... «Com a verdade me enganas» é um ditado bem antigo!
E como o meu filho é funcionário público, sinto-me lesada ao ver como trabalha um garoto apelidado de deficiente ao lado de tantos que nada fazem, (ou tanta asneira fazem), e ganham muito. E ainda leva por tabela, dos n/governantes, tudo quanto é epíteto vergonhoso e imposto inventado.

Para o n/governo, funcionário público é a escória dos portugueses.
Só não sei como é que não poupam dinheiro em acessores, secretários, subsecretários, motoristas, etc. Cada vez são mais!
Ai, se um dia eu lhes posso chamar o que merecem...… foge dicionário!!!!!!!!

livro_mini.gif------------------

Laura B. Martins 

 

Assunto:
Funcionário em vias de mudar de status

  * Exmo. Sr. 1º Ministro,*
      Vou alterar a minha condição de funcionário público, passando à qualidade de empresa em nome individual (como os taxistas) ou de uma firma do tipo "Jumentos & Consultores Associados Lda."; e em vez de vencimento passo a receber contra factura, emitida no fim de cada mês.
      Ganha o ministro, ganho eu e o país que se lixe!
      Vejamos:
      Ganha o ministro das Finanças porque:
- Fica com um funcionário público a menos.
- Poupa no que teria que pagar a uma empresa externa para avaliar o meu desempenho profissional.
- Ganha um trabalhador mais produtivo porque a iniciativa privada é, por definição, mais produtiva que o funcionalismo público.
- Fica com menos um trabalhador, potencial grevista e reivindicador que por muito que trabalhe será sempre considerado um mandrião.
      E ganho eu porque:
- Deixo de pagar na totalidade todos os impostos a que um funcionário público está obrigado, e bem diga-se, pois passo a considerar o salário mínimo para efeitos fiscais e de segurança social.
- Vou comprar fraldas, champôs, papel higiénico, fairy, skip e uma infinidade de outros produtos à Makro que me emite uma factura com a designação genérica de "artigos de limpeza", pelo que contam como custos para a empresa.
- Deixo de ter subsídio de almoço, mas todas as refeições passam a ser consideradas despesa da firma.
-Já posso arranjar uma residência em Espanha para comprar carro a metade do preço ou compro um BMW em leasing em nome da firma e lanço as facturas do combustível e de manutenção na contabilidade da empresa.
- Promovo a senhora das limpezas lá de casa a auxiliar de limpeza da firma.
- E, se no fim ainda tiver que pagar impostos, não pago, porque três anos depois o Senhor Ministro adopta um perdão fiscal; nessa ocasião vou ao banco onde tinha depositada a quantia destinada a impostos, fico com os juros e dou o resto à DGCI. Mas ainda ganho mais:
- Em vez de pagar contribuições para a CNP, faço aplicações financeiras e obtenho benefícios fiscais se é que ainda tenho IRS para pagar.
- Se tiver filhos na universidade eles terão isenção de propinas e direito à bolsa máxima (equivalente ao salário mínimo) e se morar longe da universidade ainda podem beneficiar de um subsídio adicional para
alojamento; com essas quantias compro-lhes um carro que, tal como o outro, será adquirido em nome da firma assim como manutenções e combustíveis. 
- Se sofrer um divórcio litigioso as prestações familiares que o tribunal me condenar já não serão deduzidas directamente na fonte e recebo o ordenado inteiro e só pago se me apetecer...!
      Como se pode ver, só teria a ganhar e já podia dizer em público o nome da minha profissão sem parecer uma palavra obscena, afinal, em Portugal ter prejuízo é uma bênção de Deus! Está visto que ser ultra liberal é o que realmente vale a pena, e porque é que os partidos que alternam no poder têm tantos votos...?
-----------
3/01/2007

publicado por LauraBM às 23:12

10
Set 06

sacos-dinheiro.gifMais uma forma de protestar - Sinais dos tempos: a revolução está aí à porta....

João Ferreira protestou com oito quilos de moedas:

Quando João Ferreira recebeu a carta das Finanças para pagar uma coima de 122,25 euros por não ter entregado uma declaração trimestral de IVA a zero, não queria acreditar.
O contribuinte, de 36 anos e residente em S. João da Talha, resolveu protestar de forma inovadora.
Pediu ao banco que lhe desse a quantia referida em moedas de um e dois cêntimos. Com quatro sacos, pesando cerca de dois quilos cada um, dirigiu-se ontem à repartição de Finanças Loures-2, localizada no Parque das Nações.
O meio de pagamento foi aceite e duas funcionárias demoraram uma hora e vinte minutos a contar as moedas. No fim, faltava dinheiro. João Ferreira disse que tudo estava certo, o que obrigou a uma recontagem de duas horas por parte do chefe da repartição.
No final, foi passada a guia de pagamento.
----------------------

4/04/2007
Artigo recebido via Internet, s/autoria

publicado por LauraBM às 01:04

10
Jun 06

PROMESSA DE CAMPANHA
- Se eu ganhasse a Presidência para fazer o mesmo que o Fernando Henrique Cardoso está fazendo, preferiria que Deus me tirasse a vida antes. Para não passar vergonha. Porque, sabe o que acontece? Tem muita gente que tem direito de mentir, o direito de enganar... Eu não tenho. Há uma coisa que tenho como sagrada: é não perder o direito de olhar nos olhos de meus companheiros e de dormir com a consciência tranquila de que a gente é capaz de cumprir cada palavra que a gente assume. E, quando não as cumprir, ter coragem de discutir por que não cumpriu.

Luiz Inácio Lula da Silva, Novembro de 2000, em entrevista à revista "Caros Amigos!". ( 16ª resposta)

http://carosamigos.terra.com.br/outras_edicoes/grandes_entrev/lula2.asp

Resumindo:
Se tudo der certo, o Lula deve morrer por estes dias

NOTA:
Vamos preparar os enterros dos n/políticos? Despachem-se porque são muitos!!!!!!!!!!!!

publicado por LauraBM às 00:31

26
Mai 06

Seja através da aquisição de parte das nossas empresas, seja levando as nossas empresas à falência por fazerem melhor, seja inundando as nossas ruas com as suas lojas (Zara, Corte Inglês, e por aí fora), inundando o n/mercado com frutas e legumes baratos mas cheios de componentes perigosos, ficando com parte (grande, demasiado grande) da água dos nossos rios ou até levando os nossos futebolistas.

Agora tudo isso mudou!
Agora temos um novo Afonso Henriques!
Albertino de Figueiredo, presidente da AFINSA conseguiu enganar quase todos os espanhóis por quase todo o tempo e burlou-os em cerca de 1.005 milhões de euros!
Viva o Albertino, que nos devolveu o orgulho! Viva Portugal!
Façam-lhe uma estátua!
E quando um espanhol o chatear diga-lhe "Vai mas é comprar sêlos, ò panasca!"

publicado por LauraBM às 22:04

10
Set 05

Recebi esta piada de um amigo e, apesar de poder ser tomada como humor negro, achei engraçada!
Conheço a fama do vinho da Vidigueira, mas não sabia da fama dos seus valentes bombeiros.
Que me desculpem os valentes e corajosos soldados da paz, tão sofridos nesta época do ano.
Enfim... já que não podemos deter estes malditos fogos, pouco ou nada sabemos de incendiários presos e o estado não moderniza as frotas dos n/bombeiros portugueses nem paga o que lhes deve... sempre vamos atendendo aos peditórios de rua.
Chorar pra quê? Lágrimas não apagam fogos!!!!!!!!! Bombeiros, sim!
------------------
Laura B. Martins

carro_bombeiros.jpgUm fogo deflagrou num Monte Alentejano.
Os bombeiros foram imediatamente chamados para extinguir as chamas.
O fogo estava cada vez mais forte, e os bombeiros não conseguiam dominar as chamas.
A situação já estava a ficar fora de controlo, quando alguém sugeriu que se chamasse o grupo voluntário da Vidigueira.
Apesar de alguma dúvida quanto às capacidades e equipamento dos voluntários, seria mais uma forma de auxilio. Assim foi.

Os voluntários chegaram num camião velho, desgastado pelos anos e operações de combate.
Passaram em grande velocidade e dirigiram-se em linha recta para o centro do incêndio!
Foram mesmo até ao meio das chamas e pararam.

Estupefacta a população assistiu a tudo.
Os voluntários saltaram todos para fora do camião e começaram a pulverizar freneticamente em todos os sentidos.
Como estavam mesmo no meio do fogo, as chamas dividiram-se, e restaram duas porções facilmente controláveis.

Impressionado com o trabalho dos voluntários da Vidigueira , o dono do monte respirou de alivio quando viu a sua herdade ser poupada à devastação das chamas.
Na hora pôs as mãos na algibeira e passou imediatamente um cheque de 5000 euros à corporação voluntária.

Um repórter do jornal local perguntou logo ao comandante dos bombeiros:
- 5000 euros! Já pensou o que vai fazer ao dinheiro?
- Penso que é óbvio, não é? - responde o comandante a sacudir a cinza do capacete...
- A primeira coisa que vamos fazer é arranjar a porra dos travões do camião!!!
---------------
17/07/2005
Henrique Furtado

publicado por LauraBM às 18:46

05
Set 05

matutoesuamuie.gifCompadre George Bush Júnior,

Envio essas mal-traçadas linhas daqui do interiorzão do Paraná, no Brasil, preocupado com essa tar de Tercera Guerra. Minha muié disse que vai caí bomba no meu quintar que ocê já considera seu, há muito tempo.
Tô preocupado, Júnior, porque si acauso caí uma bomba no meu quintar a Gertrudes, minha galinha de estimação, não vai botar ovo de jeito manera, e daí nóis nun vai te dinheiro nem pra pagá os impostos que o governo manda procês mode os impréstimos que fizeram em nosso nome.

Sabe, Júnior, ocê é muito novo e ganhô esse cargo de Presidente do seu pai, e tarveis nun vai entedê o que eu vô escrevê ocê nun devia amarrá o seu porco no quintar do vizinho, esses tar de Jacob que só arruma confusão. Compraro briga com os vizinhos árabes, do outro lado da cerca, e começô a confusão toda, porque seu porco foi de imbruio e tudo. Por causa do Jacob ocês jogaro bomba em muitos vizinhos, uns até do outro lado do riachão, aqueles que falam dum jeito que nun entendo patavina.

Então ocê apeia desse porco, Júnior, faz as pazes com os vizinhos e
larga mão de conta lorota porque esses tar de terrorista nun tão pra brincadera. Ocê disse que eles nun entrava na sua casa e taí o
resurtado, e por aqui a gente diz que portera onde passa um boi, passa uma boiada.

Então nóis nun qué vê de jeito manera que continue essa barbaridade na sua casa, Júnior, mas ocê tem que tomá jeito de gente, apeá desse porco que o Jacob armô procê. Eu nun quero nem sabê de guerra, Júnior, tô aqui cuidando das criação pra pagá os impréstimos, que o vizinho Leonel disse que é tudo dinheiro robado, mais que nóis tem que pagá de quarqué manera
sinão ocêis leva até a Amazônia.

Tome tento, Junior, porque nóis nun é tão ignorante como ocê pensa, e sabemos que vai sobrá pra nóis se ocê num apeá desse porco agora mesmo, reuní a vizinhança e acerta a paz entre todos.

Num quero nem ouvi falá que ocê vai joga bomba no tar de Afeganistão porque vi o firme deles, tudo andando em burrico, iguar nóis aqui, então eles também num pode ser gente ruim.

Ocê pára de tomá esses comprimidos de tarja preta e apeia desse porco, mode a gente continuá em paz, cuidando da criação, porque nessa semana a Gertrudes chocô uns ovos que vão dá umas poedeiras que vão bota ovo até pra gente manda pros estrangero. Sossega Júnior e dêxa nóis vivê queto no nosso canto.

Com solidariedade e respeito,
----------------------
18/05/2005
Tião Barbosa
Riachão do Fim do Mundo

publicado por LauraBM às 18:32

05
Mar 05

homemtramado.GIF Novas Regras - Limite de idade

Adequação dos Organismos ao limite de idade para aposentação

Tendo em vista a proposta do governo do adiamento da idade mínima da reforma para aposentação, aqui vão as providências para a sobrevivência no trabalho em todas as empresas:

1.As escadas existentes são transformadas  em rampas com  corrimão não escorregadio;
2. As casas de banho passam a ter suporte de apoio,após a ampliação das portas do banheiro para cadeiras de rodas;
3. O sistema de telefones totalmente substituido por aparelhos mais modernos, com amplificador de som, tendo em vista a perda de audição provocada pela idade avançada, compensada com o aumento de volume do som;
4. O tamanho aumentado de todas as fontes de impressão dos documentos emitidos, possibilitando a leitura com a perda progressiva da visão;
5. Lentes de aumento para distribuição aos funcionários;
6. O tamanho dos monitores de computador é aumentado para 27 polegadas;
7. Os seguintes tipos de falta serão aceites como justificados:
 a) Esquecimento do local de trabalho;
b) Esquecimento de como se faz o trabalho;
c) Esquecimento da prótese dentária
d) Incontinência urinária;
e) Tremor nas pernas;
f) Comparência em funeral de colegas que estavam prestes a aposentar-se.
8. Inclusão de porta-bengalas em todas as mesas de trabalho;
9. Despertador individual para casos de sono diurno;
10. Aumento das letras de todos os computadores;
11. Instalação de uma Urgência Geriátrica;
12. Aumento do “time-out” para o encerramento das portas dos elevadores, tendo em vista a falta de agilidade e locomoção dos funcionários ainda existentes;
13. Armários para fraldas e remédios para uso dos funcionários;
14. Manual de instruções para a demencia senil da quarta idade;
15. A avaliação de desempenho do funcionário será actualizada no item “Lembrança da Password”:
     # o funcionário, prestes a aposentar-se nos termos da lei, que ainda se lembre da sua senha, terá a nota máxima neste parâmetro;
16. Alteração nas instruções de pedido de aposentação:
     # Incluir Atestado de Óbito.
17. São proibidos actividades ou vestuário dos funcionários mais novos que possam provocar ataque cardíaco ou desregulamento do by-passe do colega próximo da idade mínima da aposentação.
---------------------------------------------------
Sara Rafael (Lisboa)
http://geocities.yahoo.com.br/jerusalem_13/sararafael.html

publicado por LauraBM às 01:54

28
Set 04

AlbertoJoaoJardim.jpg Passo 1:
Trocamos a Madeira pela Galiza, mas têm que levar o Alberto João Jardim.
Passo 2:
Os galegos são boa onda, não dão chatices e ainda ficamos com o dinheiro gerado pela Zara (é só a 3ª maior empresa de vestuário);
A indústria têxtil portuguesa é revitalizada e aparece emprego para toda a gente; Espanha fica encurralada entre os Bascos e o Alberto João.
Passo 3:
Desesperados, os espanhóis tentam devolver a Madeira (e Alberto João).
Claro, a malta não aceita.
Passo 4:
Oferecem também o País Basco. A malta mantém-se firme e não aceita.
Passo 5:
A Catalunha aproveita a confusão para pedir a independência.
Cada vez mais desesperados, os espanhóis oferecem-nos a Madeira, o País Basco, e a Catalunha; a contrapartida é termos que ficar com o Alberto João e os Etarras.
A malta arma-se em difícil mas aceita.
Passo 6:
Dá-se a independência ao País Basco; a contrapartida é eles ficarem com o Alberto João.
A malta da ETA pensa que pode bem com ele e aceita sem hesitar.
Sem o Alberto João, a Madeira torna-se um paraíso.
A Catalunha não causa problemas (no fundo, no fundo, são mansos)
Passo 7:
Afinal a ETA não aguenta com o Alberto João, que entretanto assume o poder.
O País Basco pede para se tornar território português.
A malta aceita apesar de estar lá o Alberto João.
Passo 8:
No País Basco não há carnaval. O Alberto João emigra para o Brasil...
Passo 9:
Os brasileiros imploram para o Brasil voltar a ser colónia portuguesa, mas em contrapartida temos que aguentar com o Alberto João aqui no continente.
A malta aceita e manda o Alberto João para a Madeira.
Passo 10:
Com os jogadores brasileiros mais os portugueses, (e apesar do Alberto João), Portugal torna-se campeão do mundo de futebol.
Começamos a explorar como deve ser as riquezas do Brasil, ficamos todos ricos e passamos a ser o país mais importante da União Europeia.
Alberto João, enfraquecido pelos festejos do carnaval na Madeira e Brasil, (não aguenta a emoção de ver tantas bundas a agitarem-se ao som do samba), dá-lhe um enfarto dos bons e quina.
Passo 11:
E todos viveram felizes para sempre.

NOTA IMPORTANTE:
Antes de implementar este Plano, há que por em prática um outro, igualmente luminoso, que tem a ver com um tal de Sacana Copos...  (hihihihi)
----------------------------------------
23-11-72004
artigo recebido via Internet, s/autoria

publicado por LauraBM às 23:17

24
Set 04

Pedro Santana Lopes
(Agora um pouco inchado mas mantendo o corte de cabelo à futebolista)
Primeiro Ministro da “República das Bananas de Portugal”

S.Lopes_inchado.jpgO Desistente Crónico!

- quando era puto pegava na bola e ia-se embora para casa quando estava a perder no futebol
- foi estudar para a Alemanha, mas desistiu a meio e voltou para casa
- foi deputado do Parlamento Europeu, mas desistiu a meio e voltou para casa
- casou-se, mas desistiu a meio e voltou para casa
- casou-se novamente, mas desistiu a meio e voltou    para casa
- casou-se uma terceira vez, mas desistiu a meio e voltou para casa
- teve uma empresa de Comunicação Social, mas desistiu a meio e voltou para casa
- foi Presidente da Câmara da Figueira, mas desistiu a meio e voltou para casa
- foi Secretário de Estado da Cultura, mas desistiu a meio e voltou para casa
- foi Presidente do Sporting, mas desistiu a meio e voltou para casa
- foi Presidente da Câmara Municipal de Lisboa, mas desistiu a meio e foi...
Primeiro Ministro.

Santana tem sido coerente!

Será que ainda podemos ter esperança que ele desista a meio de ser nosso Primeiro Ministro e vá para casa?
------------------------------------------
4/10/2004
Artigo recebido via Interne,t sem autoria

publicado por LauraBM às 14:16

06
Set 04

arca_joias.gif Desde quinta-feira vai uma enorme euforia no meu bairro.
Foi logo a seguir ao ministro das Finanças ter dito a Judite de Sousa, na RTP-1, que são os 30% mais ricos deste país que investem em PPR, PPR-E, PPA e CPH. É que, a ser assim, 90% desses 30% vivem no meu bairro.
E o certo é que o foguetório não tem parado, já se organizaram várias festas de ricos e já houve muita gente do meu bairro que não trabalhou sexta e sábado (os ricos, como se sabe, têm a mania de não trabalhar aos sábados).

O sr. Joaquim da mercearia convenceu a mãe, há dez anos, a fazer um PPR, tendo em conta que a Segurança Social pública não anda lá muito católica e seria bom prevenir o futuro da senhora. Desde quinta, o sr. Joaquim fechou a mercearia e só espera pela herança que a mãe, que não anda bem de saúde, lhe vai deixar. E ele que não sabia que era filho de uma das pessoas mais ricas de Portugal!

O sr. João da padaria convenceu-se, há três anos, que era bom fazer um PPR-E, porque o filho ia bem no liceu e depois quereria certamente não só concluir um curso universitário, como também tirar talvez um MBA. Nessa altura, o PPR-E daria jeito. Agora está com um problema em casa. O miúdo ouviu o Bagão Félix, dizer que o pai está entre os 30% mais ricos de Portugal e agora já não quer estudar. Diz que não precisa. Chatices de ricos...

A sra. Ana, ajudante na farmácia, resolveu começar a colocar uns trocos numa Conta Poupança Habitação, visando a compra de uma casinha quando chegar aos 30, ela que têm agora 24. Desde quinta que não aparece no emprego e mandou dizer que não consta que os ricos trabalhem. Acha estranho que a conta bancária continue próxima do zero no final do mês. Mas se o dr. Bagão disse que ela é rica, é porque é verdade.

Quanto ao José, empregado de uma agência imobiliária, que passa o dia a mostrar casas a clientes, resolveu há uns anitos arriscar uns dinheiros num Plano Poupança Acções.
Ouviu o dr. Catroga dizer que era uma forma de reanimar o mercado de capitais, que daria uma boa rentabilidade os investidores. Agora que soube que está rico, já escreveu ao dr. Catroga a agradecer a indicação.

E assim a festança não pára no meu bairro.
Mas ando preocupado.
Soube que o eng. Belmiro se estava a preparar para fazer um PPR e poupar no seu IRS e agora já não o vai poder fazer.

O eng. Jardim Gonçalves, que tem muitos filhos e netos, ia apostar nos PPR-E. Também já não vai a tempo.

O dr. Artur Santos Silva, que é muito forreta, estava a pensar fazer um CPH no banco de que é presidente - só para poupar 127 euros no IRS! Não pode, porque o dr. Bagão lhe topou os intentos.

E finalmente o eng. Mira Amaral ia colocar a sua choruda reforma em PPA. Vai ter de gastá-la noutro sítio.

E eis como finalmente temos um ministro que acaba com os ricos para dar aos pobres. Bem haja, dr. Bagão!

E assim já não precisa de investir no combate à fraude e à evasão fiscal, nem investigar a sério o rendimento das profissões liberais, nem combater 50% das empresas que declaram prejuízos, nem estabelecer uma colecta mínima para restaurantes, mercearias e outros pequenos negócios para os quais, como é óbvio, não há qualquer possibilidade de controlo fiscal.

Carregue nesses 30% de ricos que investem em PPR, PPR-E, PPA, CPH - e vai ver como resolve o défice, e a justiça fiscal desce sobre este país!

Força! Que não lhe doam as mãos!
------------------------------------
20 Setembro 2004 
Nicolau Santos,  EXPRESSO

publicado por LauraBM às 14:49

05
Set 04

semaforo-mini.gifPROTECÇÃO CIVIL - AVISO N.º 237745/2004

A Protecção Civil adverte:

Se, por engano, o Ministério da Educação colocou algum professor em sua casa...
é favor encaminhá-lo para o estabelecimento de ensino mais próximo.
É importante manter a calma e fazer de conta que é uma situação normal...
Obrigado!
----------------
20/10/2004
von Trina


Adenda:
E se, por acaso, alguém vir alguma escola sem professores, avise de imediato a Protecção Civil!
-----------------------
23/10/2004
Blog "O Anarquista"

publicado por LauraBM às 20:50

04
Set 04

beberir-novogoverno.gifScolari a PM, já!!!!!!!!!!
Em plena euforia, a Comissão Europeia e o primeiro-ministro vieram importunar o povo Português com assuntos menores como a ascensão de Prodi e a saída de Durão para Bruxelas.
Só há uma forma de resolver isto: a selecção deve ir para o Governo.
Mais carismático do que o Durão, mais determinado do que o Guterres, mais fluente do que Cavaco, mais ágil do que Soares, mais madrugador do que Balsemão, mais homem do que Pintassilgo - depois do futebol, chega a hora de Scolari ajudar o País a sair desta crise política, à frente do Governo com que todos os portugueses sonham:

Primeiro Ministro - Luiz Filipe Scolari.
É o líder que precisamos. Percebe de bola, não dá confiança aos espanhóis, tem bigode e, condição fundamental, não é Português. Pouco dado a pieguices, acha que «auto-estima» é um stand de automóveis.
Ministro da Economia e Finanças - Luís Figo.
Tem uma fortuna pessoal que a cubicagem dos nossos cofres públicos não é capaz de suportar. É preciso dizer mais alguma coisa? Só no capítulo da simpatia é que perde para Manuela Ferreira Leite.

Ministro da Defesa - Ricardo.
Mesmo com submarinos, Portas nunca conseguiria uma defesa como a que Ricardo montou frente à armada «bifa».

Ministro dos Negócios Estrangeiros - Deco.
Diplomático e fundamental nas relações com o país-irmão, tem uma experiencia de vida no estrangeiro mais longa do que qualquer outra personalidade que já desempenhou o cargo. Com ele, não corremos riscos de patriotismo bacoco.

Ministro da Administração Interna - Fernando Couto.
Patente de capitão, carácter policial, enfrenta as investidas mais brutais impavidamente. Ao pé dele, Figueiredo Lopes é uma velhinha.

Ministro da Justiça - Rui Costa.
Homem de consensos, cultiva boas relações com os juízes-de-linha e com o quarto árbrito, que é uma espécie de Ministério Público dos jogos de futebol.

Ministro dos Assuntos Parlamentares - Costinha.
Diz umas frases com princípio meio e fim. Veste bons fatos e faz colecção de gravatas. Tem tudo o que é preciso para ocupar o cargo com sucesso.

Ministro da Agricultura e Pescas - Hélder Postiga.
Com uma infância passada no bairro piscatório de Caxinas, percebe mais de peixe do que Sevinante Pinto. Quanto à Agricultura, sempre tem Durão em Bruxelas para as questões mais bicudas.

Ministro da Educação - Maniche.
De expressão assaz astuta, revelou-se um dos melhores alunos do futebol português. Com ele, os índices de aproveitamento escolar seriam outra loiça.

Ministro da Saúde - Jorge Andrade
Que melhor ministro do que o homem que após hora e meia de correria desenfreada, acusa 80 batidas por minuto?

Ministro das Obras Públicas - Ricardo Carvalho.
Pessoa com obra feita, uma muralha de betão em campo. Seria um excelente substituto de... como é que se chama o ministro?

Ministro da Juventude - Miguel.
Conhece de perto os dramas que afectam a nossa juventude: foi criado em Chelas.

Ministro do Trabalho e da Segurança Social - Nuno Valente.
Do Trabalho, porque é de um abnegação invulgar, da Segurança Social porque, com ele, a política nesta área ía mesmo virar à esquerda.

Ministro do Ambiente - Cristiano Ronaldo.
Natural de uma ilha com grande biodiversidade, feito adulto num clube que é sinónimo de verde, é o homem indicado para driblar os espanhóis no primordial dossier das águas.

Ministro da Cultura - Simão Sabrosa.
Faria a ponte entre os eruditos, com quem partilha a paixão por textos árabes ancestrais, e os jovens criadores, para os quais é um exemplo, na moda como no teatro.

Ministro das Comunidades Portuguesas - Pauleta.
Conhece bem a França, onde vive a maior comunidade de emigrantes, e domina o dialecto de boa parte dos portugueses espalhados pelo mundo.

Ministro da Ciência e da Tecnologia - Quim.
Dada a relevância desta pasta, em Portugal, qualquer suplente "chega para as encomendas".

-------------------------------------------
17/07/2004
artigo recebido por repasse, via Internet (s/autoria

publicado por LauraBM às 18:22

03
Set 04

- Dê graças ao Pai!

diaboviolino_degracas.gifLula, presidente do Brasil, vai a uma igreja em 2006, e se ajoelha na frente de Jesus, rezando.
Lula: - Jesus, estou totalmente arrependido e gostaria de redimir meus pecados.
Jesus: - Está bem. Que tens feito?
Lula: - Depois de quatro anos no governo, deixei meu povo arruinado e na miséria.
Jesus: - Dê graças ao Pai!
Lula: - Também traí o povo e meu partido, que me deram apoio e, quando precisaram de mim, voltei as costas.
Jesus: - Dê graças ao Pai!
Lula: - Enquanto o povo sofria e ficava na miséria, meu filho, meu genro e alguns poucos amigos se enriqueciam descaradamente com a corrupção e com a impunidade.
Jesus: - Dê graças ao Pai!
Lula: - E, por último e pior, pela minha vaidade descontrolada e desmedida, coloquei meu país rico e maravilhoso no fundo do poço, na mais completa indigência.
Jesus: - Dê graças ao Pai!
Lula: - Mas, Jesus, estou realmente arrependido e a única coisa que o Senhor tem para me dizer é: «Dê graças ao Pai»?
Jesus: - Sim, agradeça ao Pai que estou aqui pregado na cruz, porque senão desceria para te encher de porrada!

Nota:
Quem receber esta corrente tem obrigação ética e cívica de retransmiti-la para 10 amigos.
Se esta corrente não continuar, Garotinho será eleito, Jáder Barbalho vai voltar à presidência do Senado e Marta Suplicy continuará na Prefeitura de Sampa.

Atenção: Ouvi dizer que Jesus pedirá ao Pai para sair da cruz, só um pouquinho, pra baixar a porrada em petista que quebrar essa corrente.
Gente... cuide bem do seu micro património. E não conte para a Marta que plantou um pé de feijão em casa. Se ela souber, logo receberá a cobrança da taxa auto produtor.
E você que não mora nos jardins... por acaso as praças do seu bairro foram limpas e revigoradas?
Psiu... quem é mesmo a prefeita?
-????????
Ah!!!! Ela nunca passou por aqui, mas pago uma montanha de taxas para ela embelezar o lado dos poderosos.
- Dê graças ao Pai!

publicado por LauraBM às 15:48

02
Set 04

vacamalhada_pretobranco.gif

CAPITALISMO IDEAL                                                                                
Você tem duas vacas.

Vende uma e compra um touro. Eles se multiplicam, e a economia cresce.
Você vende o rebanho e aposenta-se, rico!

CAPITALISMO AMERICANO
Você tem duas vacas.
Vende uma e força a outra a produzir o leite de quatro vacas.
Fica surpreso quando ela morre.

CAPITALISMO JAPONÊS
Você tem duas vacas.
Redesenha-as para que tenham um décimo do tamanho de uma vaca normal e produzam 20 vezes mais leite.
Depois cria desenhinhos de vacas chamados Vaquimon e vende-os para o mundo inteiro.

CAPITALISMO BRITÂNICO
Você tem duas vacas.
As duas são loucas.

CAPITALISMO HOLANDÊS
Você tem duas vacas.
Elas vivem juntas, não gostam de touros e tudo bem.

CAPITALISMO ALEMÃO
Você tem duas vacas.
Elas produzem leite regularmente, segundo padrões de quantidade e horário previamente estabelecido, de forma precisa e lucrativa.
Mas o que você queria mesmo era criar porcos.

CAPITALISMO RUSSO
Você tem duas vacas.
Conta-as e vê que tem cinco. Conta de novo e vê que tem 42.
Conta de novo e vê que tem 12 vacas.
Você pára de contar e abre outra garrafa de vodca.

CAPITALISMO SUÍÇO
Você tem 500 vacas, mas nenhuma é sua.
Você cobra para guardar a vaca dos outros.

CAPITALISMO ESPANHOL
Você tem muito orgulho de ter duas vacas.

CAPITALISMO PORTUGUÊS
Você tem duas vacas.
E reclama porque seu rebanho não cresce...

CAPITALISMO HINDU
Você tem duas vacas.
Ai de quem tocar nelas.

CAPITALISMO ARGENTINO
Você tem duas vacas.
Você se esforça para ensinar as vacas mugirem em inglês...
As vacas morrem.
Você entrega a carne delas para o churrasco de fim de ano ao FMI.

CAPITALISMO BRASILEIRO
Você tem duas vacas.
Uma delas é roubada.
O governo cria a CCPV- Contribuição Compulsória pela Posse de Vaca.
Um fiscal vem e lhe autua, porque embora você tenha recolhido correctamente a CCPV, o valor era pelo número de vacas presumidas e não pelo de vacas reais.
A Receita Federal, por meio de dados também presumidos do seu consumo de leite, queijo, sapatos de couro, botões, presume que você tenha 200 vacas e para se livrar da encrenca, você dá a vaca restante para o fiscal deixar por isso mesmo.
------------------------------------------------------------------
artigo recebido por repasse via Internet, s/autoriaInternet, s/autoria

publicado por LauraBM às 01:55

01
Set 04

tartaruga-roda.gif Enquanto suturava uma laceração na mão de um velho lavrador, o médico e o doente começaram a conversar sobre o Santana Lopes.
E o velhinho disse:
- Bom, o senhor sabe... o Santana é uma tartaruga num poste........
Sem saber o que o camponês quer dizer, o médico perguntou o que era uma tartaruga num poste.
A resposta foi:
- É quando o senhor vai por uma estradinha e vê um poste, da vedação de arame farpado, com uma tartaruga equilibrando-se em cima dele.
Isto é uma tartaruga num poste!...
O velho camponês olhou para a cara de espanto do médico e continuou com a explicação:
- Você não entende como ela chegou lá;
- Você não acredita que ela esteja lá;
- Você sabe que ela não subiu lá sozinha;
- Você sabe que ela não deveria nem poderia estar lá;
- Você sabe que ela não vai conseguir fazer absolutamente nada enquanto estiver lá;
- Então tudo o que temos a fazer é ajudá-la a descer de lá!
---------------------------------------
13/07/2004
Artigo recebido via Internet (e-mail

publicado por LauraBM às 15:16

"O Congresso Nacional é um local que:
se gradear vira zoológico,
se murar vira presídio,
se colocar uma lona em cima vira circo,
se colocar lanternas vermelhas vira prostíbulo
e se der descarga não sobra ninguém."

======================

Frase do Dia, do Mês, do Ano e do Século

“Portugal é hoje um paraíso criminal onde alguns inocentes imbecis se levantam para ir trabalhar, recebendo por isso dinheiro que depois lhes é roubado pelos criminosos e ajuda a pagar ordenados aos iluminados que bolçam certas leis.”


===================================

"Ponha-se na presidência qualquer medíocre, louco ou semi-analfabeto, e vinte e quatro horas depois a horda de aduladores estará à sua volta, brandindo o elogio como arma, convencendo-o de que é um gênio político e um grande homem, e de que tudo o que faz está certo.
Em pouco tempo transforma-se um ignorante em um sábio, um louco em um gênio equilibrado, um primário em um estadista.
E um homem nessa posição, empunhando as rédeas de um poder praticamente sem limites, embriagado pela bajulação, transforma-se num monstro perigoso".

-------------------------------------------

General Olímpio Mourão Filho
(in A Verdade de um Revolucionário de 1978)



ESSA FRASE DEVE CONTINUAR CIRCULANDO....

Frase da filósofa russo-americana Ayn Rand (fugitiva da revolução russa, que chegou aos Estados Unidos na metade da década de 1920), mostrando uma visão com conhecimento de causa:


“Quando você perceber que, para produzir, precisa obter a autorização de quem não produz nada; quando comprovar que o dinheiro flui para quem negocia não com bens, mas com favores; quando perceber que muitos ficam ricos pelo suborno e por influência, mais que pelo trabalho, e que as leis não nos protegem deles, mas, pelo contrário, são eles que estão protegidos de você; quando perceber que a corrupção é recompensada, e a honestidade se converte em auto-sacrifício; então poderá afirmar, sem temor de errar, que a sua sociedade está condenada”.


Qualquer semelhança com o Brasil e o Portugal de hoje, não é mera coincidência...


"Um povo imbecilizado e resignado, humilde e macambúzio, fatalista e sonâmbulo, burro de carga, besta de nora, sacos de vergonhas, feixes de misérias, sem uma rebelião, um mostrar de dentes, a energia dum coice, pois que nem já com as orelhas é capaz de sacudir as moscas...”

--------------------------------------------

Guerra Junqueiro, in "Pátria", escrito em 1896

O problema de Portugal é que quem elege os governantes
não é o pessoal que lê o jornal, mas quem limpa o traseiro com ele!


Para que serve a política?

*Funcionamento do blog:
Clique sobre cada TAG e veja os arquivos do tema.
*Antiguidades óptimas
*A sair do forno
Olá, Você precisa de um empréstimo para pagar s...
Se reencontrar o sorriso é graça à Mm cappellaro q...
Testemunho de um empréstimoEu consegui obter um em...
Testemunho de um empréstimoEu consegui obter um em...
TESTEMUNHOSAs orações são obrigatórias para cada s...
Olá a todos,Eu sou deputada Susan famish, estou es...
Empréstimo e investimento em 48 horas.Eis o meu em...
Testemunho de empréstimo sério e rápido em 24 hora...
Um povo imbecilizado, uma classe política corrupta...
SOLUÇÃO PARA SUAS NECESSIDADES FINANCEIRAS OU de t...